Decorreram os trabalhos de aplicação de SAP com tecnologia DryJect num relvado desportivo do Parque da Cidade, adjudicados pela Câmara Municipal do Porto à área de negócio Agro-Florestal e Sustentabilidade da Vibeiras.

A resposta ao problema estrutural da seca tem necessariamente de incorporar, em primeira linha, o reconhecimento pela sociedade da escassez do recurso e a consequente alteração de comportamentos para um uso mais parcimonioso, e um crescente compromisso na eficiência hídrica por parte dos vários setores económicos e da utilização urbana.

Conscientes desta realidade, e da importância que cada entidade, empresa ou indivíduo pode representar no alinhamento dos objetivos traçados pelo Governo em resposta à tendência de agravamento da seca devido às alterações climáticas, a Vibeiras está a apresentar ao mercado esta tecnologia inovadora, que permite poupar cerca de 50% da água que é gasta na rega de relvados.

Com esta adjudicação, a Câmara Municipal do Porto tem por objetivo mensurar a poupança de água nesta área, de forma a conseguir extrapolar para a totalidade das áreas relvadas do Município. A Vibeiras congratula-se com esta adjudicação nomeadamente por estar a contribuir ativamente para a diminuição da pegada hídrica associada à manutenção destes espaços verdes do Município do Porto.